sexta-feira, 28 de julho de 2017

Fixing Luka

🎬 "Fixing Luka" é o curta que eu indico para esse fim de semana em família.

Conta a experiência de uma menina, que tem um irmão autista. De uma maneira bastante interessante, mostra como ela acha que seu irmãozinho está "quebrado".
"Mais ele é tão obsessivo com a arrumação dos cubos de açúcar, tenho que concerta-lo!" - pensa ela. 💭

Assista esse curta através do link: https://youtu.be/L846dU2mhcI

#luanaarara #indicacaodefilmes #filmes #curta

quinta-feira, 27 de julho de 2017

Luana Perrusi - Histórias Raras

O Histórias Raras deste mês está especial: trouxe minha história contada por minha mamis. 
Escolhi contar nossa história em Julho pois ambas fazemos aniversário neste mês. ðŸŽˆðŸ˜Ela dia 5, e eu 20 dias após ðŸ˜ Conheçam um pouco mais de Luana Perrusi, 25 anos:

"Falar da historia de vida de Luana, a palavra que me vem logo em mente, é sem dúvida nenhuma: SUPERAÇÃO
Quando engravidei de Luana, não tive a alegria pertinente a toda mãe que espera o seu primeiro filho.
É muito triste verbalizar isso, mas é a verdade, verdade esta que nunca fugi dela, porque infelizmente ela era real.
Ao mesmo tempo que engravidei, escutei do médico: seu pai só tem 3 meses de vida. Sim isso mesmo, aos 58 anos de idade meu pai, cheio de vida e de planos, com um desejo infinito de realizar seu grande sonho da aposentadoria e ver seus netos correrem na casa que passou 6 anos pra construir. Sim, meu pai iria morrer, vítima de um câncer agressivo de pulmão, que apareceu silenciosamente em sua vida e o levaria rapidamente, conforme os entendimentos dos médicos.
Naquele momento, os sentimentos eram adversos dentro de mim, norteava a felicidade, a tristeza, decepção por Deus está me dando trocas (porque naquele momento não conseguia enxergar diferente, a não ser uma troca, onde Deus levaria meu pai e me daria um filho)
Foram praticamente 7 meses de muitas lágrimas e uma profunda tristeza. Nada de momentos de alegria organizando enxoval de bebê ou comprando o quarto, ou todas as outras coisas pertinentes a quem está esperando seu primeiro filho.
Passado os 9 meses, chegou o grande dia! Luana, luz da lua (significado do seu nome) estava chegando.
Um parto sofrido, traumático, cheio de dores. Ao nascimento de Luana, vieram as incertezas.
Não tive a alegria de ter minha filha em meus braços no ato do seu nascimento, pois não havia tempo pra isso, afinal Luana, teve uma anoxia e perdera 75% por cento do seu oxigênio e tinha pressa para sobreviver a tudo aquilo que estávamos vivendo na sala fria de cirurgia.
Passei 3 dias para encontrar e ver o rosto e tudo que compunha a minha bebê. Junto a essa ausência, vieram muitas conversas incertas do que aconteceria no futuro com Luana. Nada era concreto.
No 3o dia após o nascimento de Luana fui finalmente conhecer a minha filha na UTI do hospital.
Estava ali Luana, mais uma vez se mostrando pra que veio ao mundo, sim pra se erguer e brilhar, mesmo diante de tantas adversidades.

Encontrei naquele leito frio da UTI um bebê todo deformado diante do que sofreu no parto, cheia de aparelhos, com momentos que oscilavam entre o susto e ficar estática.
Vários sentimentos me nortearam naquele momento: culpa, raiva e muita tristeza em vê-la naquele estado. Um misto de sentimentos doloridos.
Chegou finalmente o dia tão esperado, Luana teve alta e voltamos pra casa e mesmo nas visitas ao pediatra mediante as minhas indagações que algo havia de diferente na minha bebê, o que escutava do medico era que cada criança tinha seu desenvolvimento próprio.
Mas como sempre fui uma pessoa de não desistir do que acredito, aos 8 meses levamos Luana a uma fisioterapeuta e dali em diante percebi que por um erro médico a vida da minha filha não seria nada fácil.
Por um instante achei que o maior obstáculo a ser enfrentado seria ter a certeza que minha filha nunca usaria uma sandália da barbie e sim uma bota com tutor e calhas ortopédicas.
Mero engano, ali começamos a batalha de vida de Luana pela coquista de seus espaços numa sociedade que muitas vezes se mostrava cruel.
Começamos a corrida contra o tempo e com ela todas as possibilidade de proporcionar uma qualidade de vida a minha "mamãe cheirosa" ou Lua bela (pois era assim q eu a chamava) ou anjinho barroco como carinhosamente meu pai a chamava, pois ele viria a falecer 5 dias após Luana completar 1 ano de idade.
Durante longos anos o lugar mais permanente de nossas vidas foram as clínicas de fisioterapia, terapia ocupacional, fonoaudiologia, neurologia psicologa, e tudo que fosse pertinente pra melhorar e estimular Luana.
Ao longo da vida de Luana, por inúmeras vezes precisei ir a escola ou em qualquer lugar onde o brilho dela fosse ofuscado e eu precisasse lutar pra garantir o seu lugar ao sol.
Todos os dias era uma batalha diferente a ser travada, desde os olhos de curiosidade sobre uma criança que aos olhos das pessoas tinha algo diferente. Coitada dessas pessoas, não conseguiam enxergar a essência da alma do ser humano.
Por muitos anos nossa outra joia rara, meu filho Iago foi cortado de viver sua infancia pois precisava acompanhar Luana em seus tratamentos e nas salas de espera dos consultórios se alimentava, brincava, dormia, e por isso tiro o meu chapéu pra ele e serei eternamente grata pelo seu amor a irmã, e por me compreender quando nas inumeras vezes precisei me ausentar pra estar com Luana. Digo com toda convicção que cada conquista de Luana é devida a Iago também, pois sem sem sua compreensão tudo seria mais difícil de ser realizado.
Muito eu teria pra relatar aqui, nossas derrotas, mas também muitas conquistas, a história é longa, às vezes dolorida, mas também cheia de muitos êxitos.
O resto da história vou deixar que Luana relate, afinal são conquistas da sua vida.
O que posso dá como desfecho deste meu relato diante das várias batalhas que travamos juntas, é que Luana é sim, uma joia rara, não por ter uma síndrome rara, mas sim por ser uma menina cheia de luz, de ter uma áurea iluminada, que não precisa falar muita coisa porque seu lindo e largo sorriso já fala por si só .
Hoje aos 25 anos de vida de Luana, sou eternamente grata a Deus por ter me dado a oportunidade de aprender tanto com ela e Iago, de me dá a chance de exercitar o verdadeiro amor sem cobranças para que tudo seja perfeito, por me dá a oportunidade de saber esperar Nele e em tudo que Ele nos oferta, sem pressa e apenas confiando. E ter a certeza que juntas e misturadas Luana ainda vai ter belas conquistas em sua vida."

Quer compartilhar sua história conosco? Me escreve: luanaperrusiarara@gmail.com

4° Congresso Pernambucano de Municípios

Ontem Luana, A RARA esteve no 4° Congresso Pernambucano de Municípios, junto a Carlinhos Lua, do Instituto Sons do Silêncio, realizando uma apresentação de improviso ðŸ˜

terça-feira, 25 de julho de 2017

Montagem de Coreografia e Ensaio

Sábado pela manhã estive na AMAR ♥️ 
Criação de coreografia e ensaio!! Valeu meninas, obrigada pela confiança ðŸ˜
Bailarinas(o): Kevenlyn, Suzana, Jamily, Fabiana, Agatha, Edilene, Andreza, Gabriel - Balé da AMAR 
Coreógrafa: Luana Perrusi 
Apoio e fotos: Tânia Cavalcante 


A imagem pode conter: 9 pessoas, pessoas sorrindo
#luanaarara #amar #baledaama

O Mínimo para Viver

GGaalera desGaaaga

Galera desculpem o atraso na indicação do filme, mais ai vai uma para vocês assistirem durante a semana: "O mínimo para viver" é um filme Netflix, bastante interessante que tá dando o que falar.
Mostra a luta de Ellen para vencer um distúrbio alimentar.
Se aceitar, mudar, se alimentar... Ela sabia que não seria fácil, mas não imaginava fazer tantos amigos.
"Às vezes chegar no fundo do poço é necessário" ðŸŽ¥ Assista na Netflix

A imagem pode conter: 1 pessoa, texto

quinta-feira, 20 de julho de 2017

Novas parcerias

A tarde hoje foi de improvisos, fotos e gravações ♥️
Nova parceria surgindo: Carlinhos Lua do Instituto Sons do Silêncio e Luana, A RARA ðŸ˜
Agradeço a Paloma de Andrade e a Felipe Andrade pelas fotos e gravações, vocês são d+ ðŸ˜‰

segunda-feira, 17 de julho de 2017

FeneArte

Galera, esse fim de semana fui na FeneArte curtir o sábado à tarde, e aproveitei para visitar o estande da AMAR - Aliança de Mães e Famílias Raras!!!
Me dei bem, ganhei um colar lindo do meu amor e um polvo ðŸ™ muito fofo e ainda ajudamos a essa causa ♥️









A imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em pé e área interna

Os melhores dias de nossas vidas

🎬"Os melhores dias de nossas vidas" é o filme que indico para essa semana. Dois rapazes em busca da independência, queriam morar sós e ter suas vidas. Essa história tem um pouco de tudo: luta, conquista, comedia, romantismo e decepção, realidade e tristeza. Amei muito ver esse filme. ðŸ˜
OBS: A qualidade do filme no YouTube está um pouco ruim. Procurei em outros locais para baixar mais não achei. Mas como o conteúdo do filme é muito interessante, vou indicar mesmo assimhttps://youtu.be/v0MsOMcHFV8
E se vocês acharem com uma qualidade melhor por favor me informem ♥️
                              A imagem pode conter: 3 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas sentadas, árvore, motocicleta, atividades ao ar livre e natureza

terça-feira, 11 de julho de 2017

Aniversário Solidário

Um pouco do que foi o Aniversário Solidário aos olhos da aniversariante, Tânia Cavalcanti (minha mamis): 
"09/07 foi um dia pra lá de especial, retorno do grupo SEMEAR-TE as nossas ações e comemoração do meu aniversario.
A semana passada completei mais um ano de vida e quis agradecer a Deus essa dádiva da forma que mais me sinto próxima a Ele, partilhando amor ao meu próximo

Este ano em meio a muitas tribulações e profundas tristezas, mesmo assim não poderia deixar de agradecer a benção de estar viva .
.
E como toda partilha, ela não se faz sozinha.

E aí, veio a ideia de juntar um timaço, formado pelo meu adorado SEMEAR-TE mais a galera linda do Grupo Partilhar e do Doe Amor.
Fizemos uma manha cheia de alegria, descontração, relatos de vida e sobretudo enriquecimento de nossas almas 
Fomos buscar os moradores na rua, no ônibus nos cedido pela Progresso/Vera Cruz, com direito a ar condicionado e muito conforto.

Servimos um delicioso café da manhã, cada um escolheu uma roupa completa, recebeu um kit de higiene e se quisesse dá uma repaginada no visual, tínhamos voluntários para cuidar da beleza, com corte de cabelo, barba e penteado.
Contamos com a presença e a alegria da rapaziada do Sorrisos Geram Sorrisos, com o convite que fiz ao meu amigo e querido Everton Ataide e aceito imediatamente.
Tivemos um espaço para que eles pudessem desfilar seus modelitos. E um cantinho dos sonhos, onde poderiam conversar com as voluntárias da área de Assistência Social e contar os seus desejos.
Alem disso, tivemos o mais rico, que foi escutar histórias como a do sr. Carlos e poder dizer-lhe que não desista de ser feliz, pois Deus cuida de cada um de nós.
Levamos também a bela dança inclusiva de Luana, A RARA e mais emocionante foi ver todos aplaudindo em libras, pedido que fizemos antes da apresentação , explicando a todos um pouco sobre a síndrome de Luana Perrusi , sua superação e mostrando que todos podemos sonhar e alçar nossos vôos, por mais difícil que seja a situação em que nos encontramos.
Tivemos ainda um almoço gostoso feito pelos voluntários e uma surpresa da minha galera linda do SEMEAR-TE que organizaram um Parabéns cheio de deliciosos bolos e docinhos feitos carinhosamente pela nossa querida e prendadíssima Nilda.
E para encantar e alegrar este momento, tivemos um um toque de música todo especial feito pelo meu amigo e querido voluntário Rodrigo Lucas.
Foi lindo ver nossos amigos moradores de rua cantando as musicas do Legião Urbana, de Thiago Brado e tantas outras que lindamente o Rodrigo cantou.
E claro, para que o momento fosse pra lá de delicioso e cheio de doces momentos, convidamos nosso amigo Wagner e sua esposa que fizeram algodão doce e pipoca pra tocos.
Na hora do "Parabéns pra você" convidamos moradores e voluntários que fizeram aniversario neste primeiro semestre e louvamos e agradecemos a vida de todos.
Finalizamos nossa ação, presenteando cada um dos nossos convidados com um lençol, um perfume e um chocolate.
Todos foram levados pra seus locais de origem, porém com a certeza que aquela manhã teve um significado diferente pra todos nós que ali estivemos e que Deus foi o Condutor de tudo.
Agradeço a todos que contribuíram conosco,( colocamos os agradecimentos em nossa rede social - PROJETO SEMEAR-TE) , aos meus filhos Iago Perrusi e Luana Perrusi que conseguem entender os meus sonhos, ao meu genro preferido Diogo, a minha querida Manu e sua equipe do DOE AMOR, a minha amiga querida Clécia Marinho e seu belo time de voluntários do Grupo Partilhar e claro, meus lindos e amados voluntários do SEMEAR-TE que mostraram que tempo não distancia ninguem, apenas amadurece e fortalece laços, só depende do olhar de cada um."


Agradeço imensamente por ter participado dessa linda ação :)

 A imagem pode conter: 1 pessoa
Troca de experiências com Dona Flavia, uma moradora de rua deficiente visual. Linda e emocionante história!

A imagem pode conter: 3 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em pé e sapatos

Seu Carlos, morador de rua 

A imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas em pé

A imagem pode conter: 1 pessoa, sorrindo


A imagem pode conter: 5 pessoas, pessoas sorrindo

A imagem pode conter: 2 pessoas, área interna

A imagem pode conter: 4 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em pé e área interna

A imagem pode conter: 32 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas sentadas

Voluntários da Ação - Projeto Semear-te, Doe Amor e Partilhar 

Seleção Mostra Brasileira de Dança


Boa tarde galeraaaaa !! 

Venho compartilhar com vocês uma conquista maravilhosa \o/.


Ontem saiu o resultado da seleção!


A Cia Árabe Dançabilita (companhia de dança do ventre a qual eu faço parte) foi selecionada para apresentar a coreografia "Pandeiro" na 14° Mostra Brasileira de Dança. 

Entre tantos inscritos fomos escolhidas ðŸ˜ðŸ‘ðŸ»ðŸ‘ðŸ»ðŸ‘ðŸ»ðŸ‘ðŸ»ðŸ‘ðŸ»ðŸ˜

Agora é ensaiar para Mostra que será em Agosto ðŸ’ƒðŸ»ðŸ’ƒðŸ¼ðŸ’ƒðŸ½ðŸ’ƒðŸ’ƒðŸ¾ \o/ 


Essa conquista é nossa: Renata Tarub, Larissa Neres, Brenda Amorim e Dani Lisboa (na foto: da esquerda para direita)


A imagem pode conter: 2 pessoas, texto

#luanaarara #ciadancabilita#14MostraBrasileiraDeDanca

sábado, 8 de julho de 2017

Mostra Erótica de Cinema Acessivel

Cine às Escuras tratando de temas interessantes, como multisexualidade! 
Novidades muito legais além de libras e audiodescrição, desenhos em auto relevo para pessoas com deficiência visual ter a experiência sensitiva. Apesar de não ser cega, não podia deixar essa experiência passar. Lógico eu quis experimentar ðŸ˜ðŸ˜
E se liga que amanhã ainda tem filme, aproveita para ter essa experiência:
https://www.facebook.com/luanaarara/posts/1220730901389681:0 ou http://luanaarara.blogspot.com.br/2017/07/cine-as-escuras.html
A imagem pode conter: 1 pessoa, sorrindo, texto